domingo, 3 de agosto de 2008

Inconformado...

Se estupidez fosse inerente ao estado evolutivo da maioria, eu já teria deixado de acreditar na humanidade há muito tempo... otimista sem exageros, disfarço a indignação e o constrangimento buscando despertar da ignorância premeditada que, não duvide, mantém as aparências deste mundinho condenado a progredir.

Contabilidade da alienação: um idiota, outro idiota, mais um idiota... e a conta não acaba!

Quem dá mais?

Dou-lhe uma...

Abra seu coração e sua carteira!

Dou-lhe duas...

Pelo bem dos desesperados!

Dou-lhe três!

Tarefa do dia: Grite, se precisar... mas tente acordar alguém.

2 comentários:

Isquierdo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse...

Sua facilidade de comunicação (escrita e falada) é impressionante! Seus textos são muito bons, viu?
Adorei a "contabilidade" e o "leilão", bem apropriados a esses dias de Criança Esperança. A "sábia" Ana maria Braga nos aconselha a ser idiotas, e só deixar de sê-lo quando o assunto for "sério". Isso é sério? Fala sério!
BJS!